HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES: atividades a partir das discussões do GPEP

Fernando Guedes Cury, Liliane dos Santos Gutierre

Resumo


O texto apresenta algumas atividades desenvolvidas na disciplina de História da Educação Matemática (HEM) do curso de licenciatura em Matemática da Universidade Federal do Rio Grande do Norte/Brasil. A concepção delas foi guiada pela questão: que atividades baseadas na história da educação matemática brasileira podem contribuir para a formação de professores de matemática na UFRN? Elas foram inspiradas em discussões e estudos realizados no interior do Grupo Potiguar de Estudos e Pesquisas em História da Educação Matemática (GPEP) e estão apoiadas no princípio de que o educador com senso histórico vê o passado do processo educativo refletido no presente na forma de pressupostos, práticas, preconceitos, alterações e permanências e que os professores devem compreender o passado do ensino de matemática para tornar o presente mais inteligível, questionar a consciência social coletiva e promover e/ou provocar questionamentos sobre ele. As três atividades descritas pretendiam, entre outras coisas, discutir com futuros professores aspectos relativos à influência do Movimento da Matemática Moderna no ensino brasileiro e à constituição de novas histórias sobre o ensino e a aprendizagem de matemática potiguar.


Texto completo:

PDF

Referências


Alves, J. T. D., Gutierre, L. S. (2016) Um olhar para a disciplina de História da Educação Matemática (HEM) na UFRN. In: Gutierre, L. S., Cury, F. G. (Orgs.). Pesquisas em História da Educação Matemática: produções do GPEP. Natal: EDUFRN.

Arruda, J. P.; Flores, C. R. (2010) A Linguagem dos Conjuntos no Ensino de Matemática: um Estudo de Caso em uma Escola Primária Bolema, 23 (35B), 405-423.

Bloch, M. (2001) Apologia da história ou o ofício do historiador. Rio de Janeiro: Jorge Zahar.

Dienes, Z. G. (1973) O poder da Matemática. São Paulo: E. P. U.

Foucault, M. (2006) A vida dos homens infames. In: Foucault, M (2006) Ditos e escritos. Rio de Janeiro: Forense Universitária.

Garnica, A. V. M., Souza, L. A. (2010) Elementos de História da Educação Matemática. São Paulo: Cultura Acadêmica.

Gomes, M. L. M. (2007) Em favor de um diálogo entre a história da educação matemática e as práticas educativas em matemática. In: Anais do IX Encontro Nacional de Educação Matemática, v. 1 (pp 1-16). Belo Horizonte/Brasil: UFMG.

Gutierre, L. S. (2016) Grupo Potiguar de Estudos e Pesquisas em História da Educação Matemática: o GPEP da/na UFRN. In: Gutierre, L. S., Cury, F. G. (Orgs.). Pesquisas em História da Educação Matemática: produções do GPEP. Natal: EDUFRN.

Julia, D. (2001). A cultura escolar como objeto histórico. Revista Brasileira de História da Educação. 1, 9-43.

Nunes, C. A. (2006) disciplina História da Educação na formação de professores: desafios contemporâneos. História da Educação, 19, 173-180.

Sangiorgi, O. (1966) Matemática: Curso Moderno para Cursos Ginasiais. Rio de Janeiro: Companhia Editora Nacional.

Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura Matemática. Natal: UFRN, 2013.

Valente, W. R. (2010) História da educação matemática: considerações sobre suas potencialidades na formação do professor de matemática. Bolema, 23 (35A), 123-136.

Valente, W. R. (2013) O lugar da matemática escolar na Licenciatura em Matemática. Bolema, 27 (47), 939-953.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista de História da Educação Matemática

Indexadores, Base de Dados e Repositórios:

HISTEMAT - Revista de História da Educação Matemática, e-ISSN: 2447-6447
Sociedade Brasileira de História da Matemática

Licença Creative Commons
HISTEMAT esta licenciada com a Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.