EXAMES DE ADMISSÃO DO GYMNASIO DA CAPITAL DE SÃO PAULO SOB A ÉGIDE DA REFORMA FRANCISCO CAMPOS: as questões relativas ao sistema métrico decimal

Elenice de Souza Lodron Zuin

Resumo


Este artigo apresenta o recorte de um estudo dos Exames de Admissão do Colégio da Capital de São Paulo, no período de 1931 a 1942, durante a vigência da Reforma Francisco Campos. Foram tomadas como fontes primárias centenas de provas de Aritmética, sendo analisadas as questões que incluíam medidas decimais. Verificou-se que as provas atendiam as prescrições legislativas presentes no Decreto n. 19.890, de 18 de abril de 1931, e na Portaria n. 142, de 24 de abril de 1939. Em todo o período estudado, constatou-se a presença do sistema métrico decimal nos exames e, em alguns casos, perfazendo a maioria das questões. Evidenciam-se algumas considerações a respeito das provas, das correções pelos avaliadores e das resoluções dos alunos relativas às questões no período analisado.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista de História da Educação Matemática

Indexadores, Base de Dados e Repositórios:

HISTEMAT - Revista de História da Educação Matemática, e-ISSN: 2447-6447
Sociedade Brasileira de História da Matemática

Licença Creative Commons
HISTEMAT esta licenciada com a Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.