JACEGUAI REIS CUNHA E O ENSINO DE DESENHO EM RORAIMA

José Ivanildo Lima

Resumo


O texto apresenta um estudo sobre o ensino de desenho em Roraima, tomando como fio condutor o livro denominado “Apontamentos de Educação Artística para o Curso Básico do 2.º Grau”. A pesquisa tem motivação no Projeto “A Constituição dos Saberes Elementares Matemáticos: a aritmética, a geometria e o desenho no curso primário em perspectiva histórico-comparativa, 1890-1970”, e busca responder a questão: Como se caracteriza o livro didático “Apontamentos de Educação Artística para o Curso Básico do 2.º Grau” em relação aos saberes do Desenho na formação do professor dos anos iniciais? O percurso teórico-metodológico se desenvolve seguindo a perspectiva da história cultural da educação matemática de Valente (2003) e algumas ferramentas conceituais de Chartier (1990). Os instrumentos dados à ler, são: o livro já citado acima, considerando sua estrutura, aspecto físico, público-alvo, prefácio, conteúdos e a bibliografia; a Proposta Curricular do 2.º Grau, de 1975, para analisar os programas; o manuscrito de Jaceguai Reis Cunha servindo de apoio as análises. O desenho na formação do professor comparece como elemento básico da Educação Geral, sendo que o livro preserva a perspectiva dos saberes do ensino de Desenho estarem mais voltados ao desenho geométrico, do que em outros conteúdos, configurando esses outros, como apêndice, ou mantendo a presença por conta da obrigação ao cumprimento de um programa oficial.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista de História da Educação Matemática

Indexadores, Base de Dados e Repositórios:

HISTEMAT - Revista de História da Educação Matemática, e-ISSN: 2447-6447
Sociedade Brasileira de História da Matemática

Licença Creative Commons
HISTEMAT esta licenciada com a Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.