O CONTEXTO CULTURAL E O CONTEXTO ESCOLAR EM ANGOLA: conhecendo Nzongo – unidade de medida do povo Chokwe na comuna de Camaxilo

Carlos Mucuta Santos, Cristiane Coppe De Oliveira

Resumo


Esse artigo é um recorte de um projeto de pesquisa de mestrado, junto ao Programa de Pós- Graduação em Educação da Universidade Lueji N ́Khonde (ULAN), que tem como objetivo minimizar o distanciamento entre o “mundo da escola” e o “mundo da vida” dos alunos Chokwe da região de Camaxilo em Angola. Tomando como fundamentação teórica as propostas do Programa Etnomatemática e o desenvolvimento de unidades de medida desenvolvidas por esse povo, pretende-se apresentar uma unidade de medida Chokwe, o Nzongo com suas subunidades e uma experiência didática do primeiro autor sobre como o conhecimento de medida Chokwe facilita aprendizagem do Sistema Internacional de Unidades (SI). A pesquisa, de cunho qualitativo, buscou, inicialmente, conhecer essa medida em Camaxilo e pensar de que modo a unidade de medida Nzongo, com seu repertório histórico na cultura Chokwe dos alunos, pode aproximar-se do contexto escolar, ao estudarem o sistema de medida universal, que é estranho ao seu dia a dia. Considerando as teorizações do Programa do Ministério da Educação de inserção da língua Chokwe no ensino regular, será proposto por meio da investigação, que seja também inserida, já a partir do ensino primário, a linguagem matemática do Chokwe do Camaxilo com vista ao resgate de valores matemáticos Chokwe.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Revista de História da Educação Matemática